Portal Realidade

Alunos da XV Olimeja são premiados em solenidade realizada pela Prefeitura de Manaus

Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), realizou, na noite desta quarta-feira, 5/6, a solenidade de premiação da 15ª Olimpíada de Matemática da Educação de Jovens e Adultos (Olimeja). A cerimônia aconteceu no auditório da pasta, situado na avenida Maceió, bairro Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul. Durante a ação, foram anunciados os campeões da edição.

O evento é pensado para prestigiar e reconhecer o esforço dos professores e alunos que se destacaram na aprendizagem da matemática ao longo da ação que aconteceu no primeiro semestre de 2024, que contou com 87 professores e 2.050 estudantes.

A Olimeja – que acontece duas vezes por ano, uma no 1º semestre e outra no 2º -, tem o objetivo de estimular e promover o ensino da Matemática de maneira dinâmica, prazerosa e eficaz. Direcionada para estudantes da Educação de Jovens e Adultos (EJA) , é coordenada pela Gerência da Educação de Jovens e Adultos (Geja) da Semed. De acordo com a gerente da Geja, Alina Bindá, a primeira edição de 2024 do evento foi positiva.

“A Olimeja do 1° semestre de 2024 foi um sucesso. Observamos isso nos índices de aprovação, que foram bem significativos no componente matemática. E isso, com certeza, também é fruto da Olimeja. Então podemos ressaltar como saldo positivo nesta edição o rendimento dos alunos da EJA, além de uma grande participação e envolvimento desses alunos e seus respectivos professores”, frisou Alina.

A ação é dividida em três etapas decisivas, que exige preparo, dedicação e determinação. A primeira é feita na própria escola do aluno, a segunda é feita em uma seletiva nas Divisões Distritais Zonais (DDZ) da Semed e, por fim, a edição encerra com a solenidade onde acontece uma última competição entre os finalistas da Olimpíada. Como em toda competição, ao longo do percurso, milhares de candidatos foram eliminados, sendo classificados para a grande final, apenas 28 estudantes.

Para a professora do 2º Segmento da EJA da Escola Municipal Ulisses Guimarães, Nilze Albuquerque, a Olimeja é uma boa estratégia pedagógica para motivar os alunos da rede municipal de ensino pelo interesse da matemática.

“Essa ação é muito boa para os alunos da EJA, porque estimula a pesquisa e a vontade de aprender matemática de uma forma atrativa e que consegue envolvê-los”, disse a professora.

Ao todo, 28 finalistas participaram da solenidade. Durante a ação os alunos fizeram uma avaliação que elegeu os primeiros colocados no 1° e 2° segmento.

Uma das finalistas foi Kamile Martins, de 16 anos, matriculada no 2º segmento da EJA da Escola Municipal Elvira Borges. Foi a primeira participação dela na atividade. Segundo a estudante, com a Olimeja seu conhecimento acerca da matemática melhorou.

“Antes tinha muita dificuldade em assuntos como cálculos geométricos, equações de 1° e 2° grau e polinômios, depois de me aprofundar um pouco neles para participar da Olimeja percebi que passei a ter uma pouco mais facilidade para assimilar esse conteúdo. Então, valeu muito a pena ter participado da Olimeja este ano”, afirmou a aluna.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.