Portal Realidade

Drogado mata esposa, criança de 6 anos e acaba morto pela Polícia em Feijó

No início da manhã deste domingo, 9, no Projeto Envira, no município de Feijó, um homem identificado como De Leon, de 37 anos, matou a esposa de nome Maria, de 57, e em seguida o neto dela, de 6 anos. O homem foi morto pela Polícia Militar.

Uma testemunha contou que depois de matar Maria, De Leon, pegou um barco e levou junto a criança. No meio do rio encontrou a Polícia Civil e passou a golpear a criança com uma faca. “Nós dissemos para ele pegar a canoa e deixar o menino. Ele botou uma faca no pescoço dele, mas disse que não ia matar o moleque. Aí ele pegou a canoa e saiu baixando o rio e a polícia chegou logo e começou a negociar com ele. Não sei o que houve, ele teve um ataque de fúria e começou a dar facada no menino. Foi muita facada que ele deu no menino em todo canto do corpo. Aí a polícia deu muito tiro até acertar ele. “Parecia um filme de terror”, contou uma testemunha em um áudio, em que chora muito relatando o caso.

O delegado Adan Ximenes, que responde pela delegacia de Feijó, diz que De Leon teve um surto psicótico após o uso de drogas.

“Os policiais militares tentaram convencê-lo a não fazer mal a criança. Ele estava com a faca no pescoço da criança e começou a desferir facadas. Os policiais militares, em legítima defesa, atiraram e o neutralizaram. A criança foi a óbito e os corpos foram encaminhados para a perícia. Esse crime monstruoso foi praticado após o uso de drogas”, contou o delegado

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.