Portal Realidade

Rei do Gado pode ganhar remake em breve na Globo

Parece que o sucesso das novas versões de Pantanal e Renascer tiveram impacto na TV Globo. Isso porque a emissora estaria repensando em trazer uma um remake de Rei do Gado, outro clássico de Benedito Ruy Barbosa, transmitido pela emissora entre 1996 e 1997 e considerado uma das novelas de maior sucesso dos últimos 30 anos.

A possibilidade, ainda não confirmada pela TV Globo, foi apontada pelo colunista do R7, Flavio Ricco, jornalista que escreve sobre TV desde 2003. Segundo o especialista, não será surpresa se, muito em breve, a Globo anunciar uma revisita ao clássico da casa estrelado por Antônio Fagundes e reprisado três vezes no Vale a Pena Ver de Novo desde então.

Folhetim escrito por Benedito Ruy Barbosa em colaboração com Edmara e Edilene Barbosa, O Rei do Gado é até hoje considerada uma das grandes obras-primas da Rede Globo.

Ambientada na zona rural e focada em temas como a decadência do ciclo do café, a pecuária e o MST — assunto que, para muitos, afastava a emissora de considerar um remake da novela —, sua trama se estruturava com base em um dos motes mais clássicos e shakespearianos do audiovisual: o amor proibido de dois jovens vindos de famílias rivais.

Isso porque, na obra dirigida por Luiz Fernando Carvalho, acompanhamos os passos de Bruno Mezenga, um homem que nasce fruto de uma dessas paixões condenadas ao melhor estilo Romeu e Julieta, mas que prospera mesmo em meio as adversidades. Um dos maiores criadores de gado do país, o fazendeiro, porém, tem sempre em seu encalço essa sombra do passado, sabendo do ódio que separou os Mezenga dos Berdinazzi.

Além de Antônio Fagundes, o clássico da teledramaturgia contava ainda com Patrícia Pillar no papel de Luana, uma boia-fria que se torna o amor de Bruno, e Raul Cortez como Geremias Berdinazzi, o tio do protagonista que renega o parentesco com os Mezenga. Isso sem falar em Glória Pires, Fábio Assunção, Sílvia Pfeifer, Lavínia Vlasak, Stênio Garcia e muitos outros nomes de peso da TV brasileira

A possível revisita à O Rei do Gado vem na cola do sucesso feito pelas novas versões de Pantanal, transmitida entre março e outubro de 2022, e Renascer, em exibição na grade da emissora desde janeiro deste ano.

Adaptada pelas mãos de Bruno Luperi (também responsável por Pantanal), Renascer possui, segundo dados do Kantar IBOPE, divulgados pelo jornal Folha de São Paulo, uma média semanal de nada menos do que 70 milhões de espectadores. Número esse que a Netflix, maior serviço de streaming do mundo, demora quase um ano para atingir.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.